Home > Destaque > Lançamento da Carne Carbono Neutro evidencia potencial de MS com a pecuária sustentável

Lançamento da Carne Carbono Neutro evidencia potencial de MS com a pecuária sustentável

Corroborando o compromisso assumido pelo Governo de Mato Grosso do Sul em 2016 de se tornar um Estado Carbono Neutro, nesta quinta-feira (27) a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) e a Marfrig lançaram a carne carbono neutro certificada, que leva a marca Viva.

O lançamento da marca-conceito de Carne Carbono Neutro e Carne Baixo Carbono, projeta o Brasil para o mundo em um novo patamar de sustentabilidade na carne. Oferecendo uma diretriz cientifica e inovadora de como produzir carne neutralizando a emissão de gases de efeito estufa.

Titular da Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), o secretário Jaime Verruck, destaca que este é um esse momento em que a pecuária brasileira respalda o que o mundo está discutindo. “É um marco cientifico e tecnológico na mudança de conceito em relação a carne. E o Mato Grosso do Sul tem condições de crescer neste ramo pois é líder na integração pecuária-florestas, tradicionalmente pecuarista, tem qualidade de rebanho adequada e um sistema florestal robusto”.

Secretário Jaime Verruck destaca a mudança no conceito em relação a carne bovina (foto: Arquivo)

Desde 2016 quando manifestou publicamente o interesse de se tornar um Estado Carbono Neutro, o Governo do Estado vem atuando estrategicamente para este fim. “O Governo, dentro dessa estratégia, tem inserido em todas as suas políticas públicas agropecuárias, itens de sustentabilidade para que o produtor obtenha incentivos fiscais. A sustentabilidade está presente em toda a política agrícola pecuária do Estado, garantindo boas práticas agropecuárias. O segundo passo é certificar a descarbonização, que é a proposta da Embrapa”.

Carne do Mato Grosso do Sul é referência

A carne Viva lançada nesta quinta-feira em uma live, é proveniente de gado criado em sistemas de integração do tipo silvipastoril (pecuária-floresta) ou agrossilvipastoril (lavoura-pecuária-floresta, ILPF) e será vendida inicialmente em apenas 10 lojas do grupo Pão de Açúcar, em São Paulo.

A carne utilizada para este projeto piloto é da Santa Vergínia Agro, primeira propriedade rural no Brasil certificada com o selo CCN e fornecedora de gado para a Marfrig, localizada no Mato Grosso do Sul. Gerente de Florestas da Fazenda, Wolney Felipe, destacou a atuação do Governo do Estado no incentivo à produção.

“Nós vemos que o Mato Grosso do Sul tem estimulado a produção de carne carbono neutro, e já tem uma estrutura formada para isso, com florestas e sistema de integração bem desenvolvidos”, afirma Wolney. Para o produtor, as vantagens da integração pecuária-floresta são evidentes não só em termos de ganho para o meio ambiente, mas também em conforto animal e produtividade.

Para a Embrapa, a produção de carne carbono neutro fortalece o mercado interno e, futuramente, a exportação de carnes para países exigentes, diferenciando o produto brasileiro em questões de sustentabilidade. “É um projeto que conta com a participação de 12 centros de pesquisa da Embrapa, envolvendo uma rede de mais de 150 pesquisadores e ainda diversas instituições. O agro será o motor da retomada brasileira e vai precisar de parcerias como essa, unindo esforços dos setores público e privado”, enfatizou Celso Moretti, presidente da Embrapa.

Priscilla Peres, Semagro (com informações da Embrapa)

Foto do destaque: Gabriel Rezende Faria/Embrapa Gado de Corte

FONTE: http://www.ms.gov.br

DEIXAR UM COMENTÁRIO

Política de moderação de comentários: A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro ou o jornalista responsável por blogs e/ou sites e portais de notícias, inclusive quanto a comentários. Portanto, o jornalista responsável por este Portal de Notícias reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal e/ou familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos, bem como comentários com links. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.
x

Veja Também

EM AÇÃO ITINERANTE, PREFEITURA LEVA VACINAÇÃO A SUPERMERCADOS NA MORENINHA E REGIÃO DO AEROPORTO

Para facilitar o acesso da comunidade aos locais de vacinação, nesta quinta-feira (19), dois pontos de vacinação itinerante contra a ...